sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Interpretazione Proiettiva

(Arte: Wojciech Kazimierz Siudmak)
Algumas coisas nos fazem mal não necessariamente porque elas são ruins, mas porque vemos elas de forma equivocada e não como elas realmente são. Às vezes não conseguimos tirar a nossa visão fechada, parcial e limitada, então ferimos a nós mesmos pela falta de coragem de vermos-las nuas e cruas, sem mistificações.

Não nos esqueçamos que, ao tirarmos uma crítica ou uma opinião dentro de nós, podemos não percebermos, mas estamos falando de nós mesmos, do nosso "eu" singular e individual. Pode estar enfatizando uma falha que acreditar "enxergar" no mundo externo, mas que, subitamente, pode estar tão presente aí dentro, junto com seus medos e frustrações.

Em suma: observemos mais, analisemos mais, ajamos mais e projetemos menos.